SITE OFICIAL DA CIDADE DE MONTALVÂNIA
WWW.MONTALVANIA.COM.BR

Publicidade: (77) 9 9949-4184
Parceiros1

ÚLTIMASNOTÍCIAS

    Montalvânia

  08 Novembro de 2018

PREFEITO DR. JOSÉ CONDECORA POLICIAIS MILITARES COM O TÍTULO “CIDADÃO AMIGO DE MONTALVÂNIA”


  A Polícia Militar tem papel de grande relevância nos municípios. Além de suas atribuições de prevenir e combater o crime, em Montalvânia a PM tem desempenhado várias outras atribuições que, direta ou indiretamente, influenciaram no cotidiano das pessoas.


Sob o comando do tenente Agnaldo Rodrigues Souza, a PM trabalhou atuando, orientando, colaborando com diversos segmentos da comunidade, desenvolvendo projetos sociais, diminuindo conflitos, gerando sensação de segurança e se aproximando da população.

Nunca o município esteve tão bem assistido pela PM como nos últimos tempos. Além de coibir e solucionar os ilícitos, tirar infratores de circulação e diminuir o número de crimes consideravelmente, restaurando a segurança, a tranquilidade e a paz no município, a PM despertou a admiração, respeito, aproximação e o reconhecimento da população também pelos importantes projetos sociais desenvolvidos como o “Porção de Esperança”, inserção de jovens garotas a sociedade e o Programa Educacional de Resistência às Drogas e à violência – Proerd, uma ação conjunta entre Policia Militar, Escolas e Família, no sentido de prevenir o abuso de drogas e a violência entre estudantes, que colaboraram para a formação pessoal, preservação e garantia dos direitos individuais, objetivando a melhoria da qualidade de vida e para manter crianças e adolescentes longe das drogas e da violência em parceria com as famílias e as escolas, respectivamente.

Estes projetos impactaram positivamente a vida de pequenos cidadãos cochaninos, gerando novas oportunidades e mudanças de atitudes frente aos desafios da vida cotidiana.

Em reconhecimento aos relevantes trabalhos prestados ao município, o prefeito Dr. José Florisval de Ornelas, em nome de toda a população, prestou homenagem com o título de “Cidadão Amigo de Montalvânia” aos militares tenente Agnaldo Rodrigues Souza, sargento José Soares dos Santos Junior, sargento Paulo César Lopes Dias e aos soldados Carlos Ramon Silva Chagas, Danilo Moura de Souza e Marcos Andrei Mendes da Rocha, em solenidade realizada na manhã desta quinta-feira (8), no gabinete do prefeito. A cerimônia foi simples, mas de imensa gratidão e grande valor histórico.

Dr. José relembrou os trabalhos dos PM’s e agradeceu pelos mesmos terem restaurado a confiança da população e devolvido a paz ao município e solicitou dos novos integrantes o mesmo empenho para que o município continue a viver seguro e tranquilo, já que os três primeiros não atuam mais no município, e ainda reforçou a importância da parceria entre a PM, Poder Público e comunidade.

O título de “Cidadão Amigo de Montalvânia” é outorgado a um cidadão pelos seus relevantes serviços prestados e por ter contribuído para o crescimento e o desenvolvimento do Município, através de sementes plantadas que darão bons frutos pela posteridade.

O sargento José Soares dos Santos Junior, que hoje desempenha suas funções na cidade de Montes Claros, foi, de acordo com a população, um dos militares que desempenharam um trabalho dos mais brilhantes e fez história no município, através da Segurança Pública, infelizmente não pode estar presente por motivos profissionais, mas se fez representado por seu parceiro de trabalho, o soldado Chagas.

O tenente Souza, que agora comanda o Pelotão do município de Taiobeiras, ressaltou a importância do trabalho em equipe, agradeceu aos comandados pelo bom desempenho e ao prefeito pela homenagem.

- Sinto-me extremamente honrado com esta valiosa homenagem, que representa para nós profissionais, o reconhecimento por um trabalho bem feito, mas que não seria possível sem a parceria de pessoas, verdadeiramente, comprometidas com o bem estar social. E os resultados alcançados a frente do Pelotão PM de Montalvânia, são frutos de uma equipe comprometida com o resultado e da parceria com o Poder Público Municipal. Agradeço de coração ao Pelotão PM pelo empenho e dedicação e a toda a comunidade de Montalvânia pela receptividade e apoio no período em que estive na cidade. Muito obrigado, agradece o militar que fez história em Montalvânia, tenente Agnaldo Rodrigues Souza.

O sargento Paulo César Lopes Dias, que hoje atua em Janaúba, não compareceu à solenidade por motivo de força maior e se fez representado pelo sargento Gílson Pereira Junior, enviou uma mensagem com o seguinte teor:

- É com imensa alegria e satisfação que dirijo minhas palavras aos senhores. Gostaria de externar meus agradecimentos, pela brilhante carreira proporcionada ao longo dos anos em que servi em Montalvânia e distritos,locais estes onde sempre fui acolhido de braços abertos, oferecendo-me as condições necessárias para uma boa efetivação de minhas funções policiais e cultivo de boas amizades. Em Montalvânia , vivi um período de grandes aprendizados, se errei foi tentando acertar, se acertei cumpri meu objetivo. Estive rodeado de muitos profissionais capacitados tanto na Policia Militar quanto nos demais órgãos públicos, onde fiz um grandioso ciclo de amizades, das quais muito me orgulho. Fico lisonjeado por meu trabalho ter sido reconhecido pela Prefeitura de Montalvânia, através do prefeito Dr. José Florisval de Ornelas, e ser homenageado como “Cidadão Amigo de Montalvânia”. Peço desculpas de não estar presente nesta solenidade, justificado por motivos de força maior, mas digo de coração, que tudo valeu a pena. Não existe partida de lugares e ou de pessoas, pois estas permanecerão eternamente em nossos corações. “Um forte abraço aos companheiros que ficaram e, especialmente, a todos os cochaninos.”

Este reconhecimento retrata o profissionalismo, o empenho, a dedicação e o comprometimento destes profissionais para com a comunidade em que atuaram.

- Para garantir que no futuro tenhamos apenas bons frutos, precisamos plantar desde cedo boas sementes. E boas sementes foram plantadas. Parabéns ao Destacamento da honrosa Polícia Militar de MG em Montalvânia, e obrigado pela importante parceria que contribuiu para o crescimento e o desenvolvimento de nosso município, agradece o prefeito Dr.José.

"A história de um homem mede-se pela sua contribuição para gerações futuras."


Fonte: ASCOM - Prefeitura de Montalvânia / Jornalista responsável: Fernando Abreu


Compartilhe nas Redes Sociais

    Novidade

  07 Novembro de 2018

IPVA


  Anunciado desconto extra, de 3%, para quem pagou o IPVA em dia, nos últimos 2 anos.


Donos de carros que pagaram o IPVA e a Taxa de Renovação do Licenciamento Anual de Veículos, de 2017 e 2018, rigorosamente em dia terão desconto de 3% sobre o IPVA que será cobrado em 2019. 


MULTAS

A informação foi divulgada pelo governo de Minas e detalha que a aplicação do desconto valerá para quem também quitou em dia outros débitos, como multas e seguro Dpvat. 


CUMULATIVO

Este tipo de abatimento do imposto é cumulativo para quem realiza o pagamento do IPVA em parcela única, que já tem desconto de 3%. 


TOTAL

Ou seja, quem pagou os tributos anteriores em dia e quitar de uma só vez o IPVA em 2019 terá desconto total de 6%. O governo informou também que o programa não tem prazo de validade. 


Compartilhe nas Redes Sociais

    Política

  06 Novembro de 2018

GESTÃO ORNELAS: IMPROBIDADE E NEPOTISMO


  Contratação de filho pelo pai prefeito rende perda de diretos políticos e multa.


O juiz da 1ª Vara Cível, Criminal e de Execuções Penais da Comarca de Januária, Juliano Carneiro Veiga, condenou o atual prefeito de Montalvânia, no extremo Norte de Minas, José Florisval de Ornelas, o Dr. José (PTB), à perda da função pública (mandato) e dos direitos políticos pelo prazo de cinco anos, além do pagamento de multa correspondente ao valor de 10 vezes os salários que recebeu entre os anos de 2001 e 2002, durante o primeiro dos seus três mandatos à frente daquele município. 


José Ornelas responde a ação civil pública por ato de improbidade administrativa proposta pelo Ministério Público de Minas Gerais. Foram condenados no mesmo processo, e às mesmas penalidades, o dentista Flávio Falcão de Ornelas, filho do prefeito, além dos membros da então comissão de licitação do município Wady Marinho Dourado, Fábio Ornelas Silva Lima e Eliana Moreira França. A multa, correspondente ao valor de 10 vezes aos salários que recebiam à época, será atualizada monetariamente pela  tabela do Tribunal do Justiça de Minas Gerais.  


Segundo a acusação, acatada parcialmente pelo magistrado, o prefeito José Ornelas teria praticado ato de improbidade administrativa e nepotismo ao contratar, com dispensa de licitação, o filho Flávio Falcão para a prestação de serviços odontológicos durante o ano de 2001. 


O Ministério Público considerou ainda que a comissão de licitação não levou em conta que havia em Montalvânia, à época, outros profissionais capacitados para participar do certame. O contrato entre o prefeito e o filho dentista chegou a ser aditado por cinco meses e só foi encerrado em maio de 2002. Posteriormente, e ainda na gestão de José Florisval, o dentista Flávio Falcão foi habilitado, por concurso público, à função de odontólogo do município.  


Ainda segundo a denúncia, a Prefeitura de Montalvânia também pagou por serviços de locação de veículo de propriedade e Flávio Ornelas. Pelo menos três notas fiscais foram anexadas aos autos dando conta de pagamentos ao filho do então prefeito por supostos serviços de transporte de médicos e dentistas entre a sede do município e distritos. 


O MP diz que não foram encontradas evidências de que esses serviços foram efetivamente realizados, mas a Justiça desconsiderou essa acusação e isentou os réus à devolução dos valores pagos ao Flávio Ornelas por ocasião dos fatos que deram origem à ação civil pública. 


“Analisando detidamente os autos, observa-se a prática de nepotismo na contratação do réu Flávio Falcão de Ornelas pelo município de Montalvânia na gestão do seu genitor José Florisval de Ornelas, o que faz prova certa a realização de certame em prazo tão exíguo pelos réus Wady Marinho Dourado, Fábio Ornelas Silva Lima e Eliana Moreira França”, registrou o magistrado em sua decisão. 


O juiz Juliano Veiga recusou, contudo, o pedido de ressarcimento dos valores pagos aos cofres públicos por entender que Flávio Ornelas efetivamente atuou como dentista do município durante a vigência do contrato, a despeito de “não ter prestado concurso público”. 


O magistrado considerou que, embora a contratação de familiares por agentes públicos configure a prática de nepotismo, no caso de Montalvânia não houve dano ao erário porque teria havido a efetiva prestação dos serviços contratados entre pai e filho. Há a ressalva, porém, de que a conduta do prefeito José Ornelas caracterizou “patente violação aos princípios da moralidade e impessoalidade, o que caracteriza verdadeiro nepotismo”. 


Fala Ornelas


Contatado por aplicativo de mensagem instantânea para falar em seu próprio nome e do prefeito Ornelas, hoje com 78 anos, o dentista Flávio Falcão não respondeu aos pedidos de posicionamento. O site atrasou a publicação deste post em 48 horas à espera da manifestação que não veio, mas que será incluída ao texto caso chegue em tempo hábil. 


A condenação em primeira instância de membros da família Ornelas não deve resultar na saída do prefeito do cargo. Cabe recurso e um bom advogado sempre consegue jogar a decisão final do processo para as calendas gregas. A sentença, contudo, é mais um abalo na moralidade que essas pessoas gostam de exibir perante seus eleitores. 


José Ornelas é mais um prefeito ligado ao grupo do deputado estadual Arlen Santiago a ser pego com a boca na botija em atos de improbidade. O atual prefeito de Manga, Quinquinhas de Quinca de Otílio (PPS), tem duas condenações à perda do mandato e dos direitos políticos pelo prazo de 14 anos em tramitação na segunda instância. 


São prefeitos devotos do futuro deputado Aécio Neves (PSDB), aquele que quase sentou na cadeira presidencial e agora se assusta cada vez que ouve uma sirene de viatura policial passar no seu entorno. Fonte: www.luisclaudioguedes.com.br


Compartilhe nas Redes Sociais

    Polícia

  28 Outubro de 2018

POLÍCIA EM AÇÃO


  Polícia prende casal suspeito tráfico de drogas e porte ilegal de armas na zona rural de Montalvânia.


Um casal suspeito de tráfico de drogas e porte ilegal de armas foi preso na sexta-feira, 26 de outubro, em uma zona rural de Montalvânia, no Norte de Minas Gerais. Segundo informações, a PM encontrou com a mulher de 31 anos, duas porções de substância semelhante à maconha, pesando aproximadamente 50 gramas.


Já o homem de 37 anos, foi localizado com duas espingardas, munições, R$ 210 (duzentos e dez reais) e um aparelho celular. A principal suspeita é que os acusados utilizava um bar no distrito de Extrema, em Montalvânia, para praticar a venda da droga.


Moradores do município disseram que o casal acostumava frequentar o bar armados. O casal foi levado à delegacia da cidade de Januária, para aplicação das medidas cabíveis.

Por Mateus Souza-Portal Folha do Vale


Compartilhe nas Redes Sociais

    Eleições 2018

  28 Outubro de 2018

GOVERNADOR / MINAS GERAIS


  Romeu Zema, do Novo, é eleito governador de Minas Gerais.


Zema venceu com 71,80% dos votos válidos, com 100% das urnas apuradas. "A partir de agora eu deixo de ser o candidato de muitos para me tornar o governador de todos", disse o novo governador.





O candidato Romeu Zema, do partido Novo, foi eleito neste domingo (28) o novo governador de Minas Gerais. O candidato do Novo, vencedor do 1º turno, voltou a derrotar Antonio Anastasia (PSDB) no 2º turno e vai governar o estado a partir de 1º de janeiro de 2019, no lugar de Fernando Pimentel (PT).


Com 100% das urnas apuradas, segundo o Tribunal Superior Eleitoral, Zema teve 71,80% dos votos válidos (6.963.806 votos) e Anastasia teve 28,20% dos votos válidos (2.734.535 votos) . O tucano teve menos votos do que no primeiro turno, quando teve votação de 2.814.704 eleitores.

Por Humberto Trajano e Raquel Freitas, G1 Minas — Belo Horizonte


Compartilhe nas Redes Sociais

    Eleições 2018

  28 Outubro de 2018

PRESIDENTE


  Jair Bolsonaro é eleito presidente e interrompe série de vitórias do PT.

Candidato do PSL derrotou o petista Fernando Haddad no segundo turno, com 55% dos votos, e foi eleito o 38º presidente do Brasil. Capitão reformado do Exército e deputado federal desde 1991, Bolsonaro se elegeu com promessas de reformas liberais na economia e um discurso conservador, contrário à corrupção, ao PT e ao próprio sistema político.




Jair Messias Bolsonaro, do PSL, foi eleito o 38º presidente da República neste domingo (28) ao derrotar em segundo turno o petista Fernando Haddad, interrompendo um ciclo de vitórias do PT que vinha desde 2002.


A vitória foi confirmada às 19h18, quando, com 94,44% das seções apuradas, Bolsonaro alcançou 55.205.640 votos (55,54% dos válidos) e não podia mais ser ultrapassado por Haddad, que naquele momento somava 44.193.523 (44,46%). Com 100% das seções apuradas, Bolsonaro recebeu 57.797.073 votos (55,13%) e Haddad, 47.039.291 (44,87%).


No discurso da vitória, Bolsonaro afirmou que o novo governo será um "defensor da Constituição, da democracia e da liberdade".


Por Guilherme Mazui, G1 — Brasília




Compartilhe nas Redes Sociais

    Economia

  18 Outubro de 2018

PIS


  Abono salarial do PIS começa a ser pago, amanhã, aos nascidos em outubro.


Trabalhadores que nasceram no mês de outubro começam a receber, hoje, o abono salarial do PIS. Os pagamentos deste mês devem beneficiar 1 milhão e 800 mil trabalhadores e injetar R$ 1,38 bilhão na economia brasileira. 


VARIAM

Os valores a serem pagos variam entre R$ 80 e R$ 954, dependendo do tempo que o cidadão trabalhou no ano passado. Quem ainda não retirou o dinheiro, pode fazê-lo até 28 de junho de 2019. 


DIREITO

Têm direito a esta gratificação quem está inscrito no PIS ou no Pasep há pelo menos 5 anos. Além disso, é preciso que a pessoa tenha trabalhado formalmente por pelo menos um mês no ano passado, com renda mensal média de até 2 salários mínimos.


Compartilhe nas Redes Sociais

    Horário de verão

  16 Outubro de 2018

HORÁRIO DE VERÃO NÃO TERÁ INÍCIO ADIADO


  O Palácio do Planalto informou que não haverá adiamento do início do horário de verão e que está mantida a data de 4 de novembro.


ADIAR

No início do mês, o Planalto chegou a comunicar a decisão de adiar o início do horário de verão para 18 de novembro, a pedido do Ministério da Educação, para evitar problemas com a 1ª prova do Enem, marcada para 4 de novembro. 


O horário de verão vigorará para os Estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e no Distrito Federal.


CONFUNDIR

O argumento é que a necessidade de adiantar os relógios em uma hora pode confundir os candidatos. A Casa Civil da Presidência também informou que o decreto que faria a alteração para 18 de novembro não foi publicado no “Diário Oficial da União”. 


VOOS

A mudança do início do horário de verão de 4 para 18 de novembro foi criticada pela Associação Brasileira das Empresas Aéreas, que argumentou que a mudança poderia levar passageiros que compraram passagens com antecedência a perderem seus voos. 


INÍCIO

Dia 4 de novembro.


FIM

O horário de verão termina no dia 17 de fevereiro de 2019. 


Compartilhe nas Redes Sociais

    Eleições 2018

  15 Outubro de 2018

PESQUISA IBOPE


  Bolsonaro, 59%; Haddad, 41%.


Nos votos totais, Jair Bolsonaro, do PSL, tem 52%, e Haddad, 37%. Pesquisa é a primeira do Ibope no segundo turno das eleições.

O Ibope divulgou nesta segunda-feira (15) o resultado da primeira pesquisa do instituto sobre o segundo turno da eleição presidencial. O levantamento foi realizado na sábado (13) e domingo (14), e tem margem de erro de 2 pontos, para mais ou para menos.

Nos votos válidos, os resultados foram os seguintes:

Jair Bolsonaro (PSL): 59%

Fernando Haddad (PT): 41%



Pesquisa Ibope - 15 de outubro - segundo turno da eleição presidencial — Foto: Arte/G1


Para calcular os votos válidos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição. Para vencer no primeiro turno, um candidato precisa de 50% dos votos válidos mais um voto.


Votos totais

Nos votos totais, os resultados foram os seguintes:

Jair Bolsonaro (PSL): 52%

Fernando Haddad (PT): 37%

Em branco/nulo: 9%

Não sabe: 2%




Pesquisa Ibope - 15 de outubro - segundo turno das eleições presidenciais — Foto: Arte/G1


Sobre a pesquisa

Margem de erro: 2 pontos percentuais para mais ou para menos

Entrevistados: 2506 eleitores em 176 municípios

Quando a pesquisa foi feita: 13 e 14 de outubro

Registro no TSE: BR‐01112/2018

Nível de confiança: 95%

Contratantes da pesquisa: TV Globo e "O Estado de S.Paulo"

O nível de confiança da pesquisa é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem a realidade, considerando a margem de erro, que é de 2 pontos, para mais ou para menos. Fonte: g1.com


Compartilhe nas Redes Sociais

    Política

  15 Outubro de 2018

CORRUPÇÃO EM MONTALVÂNIA


  Vereador Flávio Macedo promete novas denuncias.



(FOTO) Vereador Flávio Macedo, hoje na Procuradoria de Justiça em Belo Horizonte - MG, levando ao conhecimento das autoridades às atrocidades praticadas pelos corruptos em Montalvânia. 


Compartilhe nas Redes Sociais

Parceiros1

Parceiros2
Star Chiq Microrcim L&C Glass Design